Procure no JP

terça-feira, 23 de maio de 2017

No apagar das luzes, Barcelona empata com o Guarulhos

Texto e fotos: Fernando Martinez


Fechando a rodada dupla de sábado no Estádio Nicolau Alayon, o Campeonato Paulista da Segunda Divisão pediu passagem para mais uma apresentação do Barcelona Capela como mandante. O adversário da vez foi o Guarulhos em encontro válido pelo Grupo 3. Foi o 105º jogo dos paulistanos na história e o 36º em que estive presente.

O time guarulhense é um dos que luta cabeça a cabeça por uma vaga na segunda fase da competição. Antes dessa rodada, a última do turno, a ADG estava na quarta colocação com dez pontos, mesma pontuação de Elosport, Primavera e Itararé. O Barcelona, como todo mundo que acompanha o blog sabe, segura a lanterna da chave, porém é fato que o futebol apresentado pelos seus atletas tem mostrado evolução.


Barcelona Esportivo Capela Ltda. - São Paulo/SP


Associação Desportiva Guarulhos - Guarulhos/SP


Quarteto de arbitragem composto por Daniel Carfora Sottile, Bruno Silva de Jesus, Orlando Coelho Junior e Hércules Ribeiro Paulino junto aos capitães das duas agremiações

Esse foi o quinto encontro entre os dois em todos os tempos e nos quatro anteriores os paulistanos nunca venceram. Em 2004 foram dois empates (um deles com direito a uma surreal agressão do técnico Pachani ao árbitro, ato que valeu um ano de gancho em julgamento do STJD) e duas vitórias guarulhenses em 2009.

A tarde estava super agradável e os 97 torcedores que pagaram ingresso viram uma partida muito boa, bem melhor do que a final da A3 disputada ali na parte da manhã. O Guarulhos foi melhor na etapa inicial, mas isso não quer dizer que o Barcelona tenha jogado mal, pelo contrário.

Os visitantes atacaram bastante pela esquerda, principalmente com o camisa 11 Romarinho, aquele mesmo que atuou nas categorias de base do Palmeiras desde o sub-15 até o sub-20. O setor defensivo local conseguiu segurar bem a onda e o goleiro Alexandre, quando acionado, participou bem.

Já o ataque local levou perigo à meta defendida por Bruno em dois bons lances pelo meio. Apesar do bom nível, o tempo inicial se encerrou com o marcador inalterado. Já no segundo tempo a peleja ficou ainda melhor pois os atacantes voltaram ao gramado nacionalino mais inspirados.


Detalhe surreal do placar do Nicolau Alayon informando a realização do confronto entre Barc e Uarullim. Tudo bem, fecharam a porta e não tinha como mudar os nomes, mas para ficar assim, seria melhor ter deixado Nacional x Inter mesmo


Goleiro guarulhense vendo a bola passar perto da sua meta


Ofensiva visitante pela lateral


Tentativa de bicicleta no ataque do Guarulhos


Disputa de bola na linha lateral

Aos cinco minutos o onze visitante saiu na frente com um belo gol de cabeça do zagueiro Victor. Ele completou um escanteio da esquerda e tirou o primeiro zero do placar. O Barça apostava nos contra-ataques e enquanto isso, o Guarulhos teve boas chances de ampliar, a melhor delas numa cobrança de falta que explodiu na trave.

Só que o Elefante não desanimou em nenhum momento e aos 44 pintou a melhor oportunidade para deixar tudo igual numa falta na entrada da área. O camisa 9 Ícaro bateu com enorme estilo e colocou a pelota no ângulo esquerdo. Se o time sofreu o empate no finalzinho do duelo contra o Osasco FC, a igualdade no sábado veio na mesma moeda.


A firma marcação da zaga do Barcelona


Detalhe do primeiro gol da tarde, marcado por Victor aos cinco do tempo final


Zagueiro paulistano fazendo a carga em cima de atacante adversário



A belíssima cobrança de falta e a comemoração de Ícaro pelo gol de empate aos 44 do segundo tempo

O placar de Barcelona 1-1 Guarulhos manteve o clube da Grande São Paulo na quarta colocação, agora com onze pontos, na virada do turno. Já os paulistanos seguem na lanterna e ainda sem nenhuma vitória (já são treze jogos sem triunfos), porém é fato que a equipe melhorou demais no decorrer da Segundona.

Voltei pra casa após essa rodadinha dupla genial já armando um esquema ninja pro domingo. Teve viagem, Série D do Brasileiro e time novo, um dos mais antigos do país, na Lista.

Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário