Procure no JP

segunda-feira, 28 de julho de 2014

Santos vence fácil a Chapecoense no Alçapão

Salve amigos!

Na semana passada recebi uma visita muito especial em casa, do amigo australiano Sami Özergun, torcedor do Fenerbahce, do Chelsea, e do Santos. Como bom anfitrião, não poderia deixar de leva-lo à Vila Belmiro para o confronto do Peixe com a Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro da Série A, a “premier league” brazuca.


Bom público presente na Vila. Foto: Estevan Azevedo.

Bom, como a Vila Belmiro está longe de ser uma Arena digna de Copa do Mundo, de nosso assento à beira do gramado é separado do tapete por uma parede de vidro com colunas opacas que atrapalha um pouco da visão, e prejudica demais as fotos.


Aranha se prepara para uma de suas belas defesas. Foto: Estevan Azevedo.

Mas deixo aqui o registro de nossa presença na interessante peleja. A primeira boa chance foi do alvinegro praiano: Lulas Lima recebeu da direita e ajeitou de cabeça para GabiGol, que bateu no canto direito de Danilo, e conseguiu um escanteio para o time, após o desvio da zaga.


No intervalo a partida, a mascote Baleia deu as caras. Foto: Estevan Azevedo.

Logo aos 12 minutos a defesa da Chapecoense abusou do direito de errar e Rildo abriu o placar, para a alegria dos torcedores presentes. A Chapecoense apostou na bola parada com Fabiano cobrando e com o “cigano” Abuda mandando MUITO à esquerda do gol de Aranha. A vantagem mínima para os locais foi o placar do intervalo.


Ataque do Peixe na segunda etapa. Foto: Estevan Azevedo.

Os visitantes voltaram animados para a segunda etapa, e obrigaram Aranha a fazer uma bela defesa logo nos primeiros minutos. Mas aos seis minuto Thiago Ribeiro correu pela direita e cruzou para Gabriel marcar o segundo, desmantelando os planos do treinador Celso Rodrigues.


Gabriel (7) infernizou a defesa verde. Foto: Estevan Azevedo.

Mesmo assim, a Chapecoense seguiu valente, e buscava um golzinho. Aranha fez outras grandes defesas em chutes de Abuda. Apostando nos contra ataques, o time da Vila chegou ao terceiro gol aos 35 minutos. Gabriel lançou Thiago Ribeiro pela direita, e ele cruzou para Diego Cardoso, que chegou livre na pequena área e balançou as redes.


Placar final da partida. Foto: Estevan Azevedo.

Bruno Rangel, do meio da rua, ainda teve uma boa chance de diminuir o placar, mas ficou nisso. Fim de jogo, Santos 3x0 Chapecoense, resultado que aproximou os vitoriosos do G4, mas já estava nas contas da equipe Chapecoense, que segue bem na luta pra se manter na primeira divisão.


Presença super internacional na Vila: Sami, eu entre um casal de japoneses, e o australiano Vince com sua esposa brasileira, Patricia. Foto: Transeunte.

Até a próxima!

Estevan Azevedo

Nenhum comentário:

Postar um comentário