Procure no JP

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Sorocaba vence, ultrapassa o Bafo e sai do Z4 da Série A2

Fala, pessoal!

Depois de um mês de março mais parado do que de costume, abril começou com tudo por essas bandas. O feriado da semana santa marcou a volta de uma agenda mais encorpada e o cronograma se iniciou já na quinta-feira com o encontro entre Atlético Sorocaba e Comercial de Ribeirão Preto, duelo valendo pela abertura da 14ª rodada do Campeonato Paulista da Série A2 e realizado no Estádio Wálter Ribeiro.

Por conta da missão do Projeto 40 a ida foi meticulosamente programada pois caso contrário não veria nenhuma das duas no estadual em 2015. Com mais essas equipes, respectivamente os times 30 e 31 a entrarem na concorrida lista, definitivamente entrei na reta final dessa pequena e sensacional insanidade. Falta um mês para o fim das fases iniciais dos dois campeonatos e agora restam apenas nove times para fechar a coleção.


CA Sorocaba - Sorocaba/SP. Foto: Fernando Martinez.


Comercial FC - Ribeirão Preto/SP. Foto: Fernando Martinez.


Capitães dos times junto com o árbitro Flávio Rodrigues de Souza e os assistentes Sergio Cardoso dos Santos e Ricardo Ferreira da Cruz. Foto: Fernando Martinez.

É, mas a missão não seria nenhuma moleza, muito pelo contrário. Com a chegada de um sempre bem-vindo feriado prolongado as saídas da capital bandeirante sem dúvida estariam empanturradas de automóveis desde o meio da tarde. Fiz as contas e vi que se pegasse o ônibus das 16 horas no Terminal Barra Funda daria tempo de chegar com tempo suficiente na bela cidade do interior.

O que eu não contava era com um leve atraso na hora da minha saída do bairro do Mandaqui. Isso quebrou todo meu esquema e fez com que o caminho fosse percorrido sob grande tensão. A lotação também atrasou, o metrô estava com má vontade e só cheguei na Barra Funda dez minutos depois do horário marcado para a saída do Cometão.

O que me salvou, além da presença dos amigos Victor e Rodrigo Leite infernizando o motorista do coletivo, foi uma salvadora moça que se enganou e achou que o ônibus dela era o mesmo que o nosso. Foram três minutos que fizeram a missão do Projeto 40 continuar existindo (fora os demais minutos de atraso por conta do trânsito). Tudo bem, levei quinze minutos para recuperar meu fôlego depois da correria que fiz pelas instalações do Terminal, mas aqui é sempre tudo pelo social.

A viagem foi tranquila e a previsão de trânsito se confirmou logo quando entramos na Marginal. Enfrentamos o congestionamento até passarmos por Barueri e dali pra frente a viagem foi tranquila. Descemos do ônibus na Avenida Pereira da Silva, que fica distante cerca de 300 metros do estádio. Por volta das 18h40 já estava no gramado. Obrigado, Deuses do futebol!

A A2 desse ano vive um momento em que temos dois campeonatos paralelos rolando. Os dez primeiros estão lutando por um lugarzinho na "elite" em 2016 e os outros dez disputam quem irá para a A3 na próxima temporada. Sorocaba e Comercial estão na metade de baixo na tábua de classificação. O Atlético, mesmo tendo recuperado os quatro pontos que havia perdido no TJD, era o 17º antes dessa rodada. O Bafo não estava muito melhor e ocupava a 16ª posição. Estava prestes a assistir mais uma edição do "jogo de seis pontos".

Apenas 180 testemunhas foram ao CIC para ver a partida, mas ela acabou sendo muito boa e bem acima do que eu esperava. O Sorocaba teve mais posse de bola durante os primeiros 45 minutos e ficou bastante tempo dentro da área adversária. isso não significou, porém, chances reais de gol para os locais.

O Bafo se segurou na defesa, algo um tanto quanto óbvio quando alguém joga fora de casa, e apostou nos contra-ataques. E foi nesse tipo de lance que o time de Ribeirão Preto criou algumas boas oportunidades de gol, obrigando o goleiro Adílson a mostrar serviço, primeiro num chute de Matheus Santos aos oito minutos.

O Atlético chegou perto do primeiro aos 16, com uma preciosa oportunidade na pequena área e que terminou com a bola nas arquibancadas. Depois dessa chance, só deu Bafo. O time visitante quase inaugurou o placar aos 35, em chute à queima-roupa de Marcinho e defesa milagrosa de Adílson.

O Comercial acabou sendo castigado aos 41 minutos. A defesa saiu errado e a pelota sobrou para Canga. Ele chutou forte no canto esquerdo de Marcelo Henrique. A pequena e animada torcida sorocabana pôde respirar aliviada pela primeira vez no tempo inicial.


Zaga comercialina tirando a bola de dentro da área após cobrança de escanteio. Foto: Fernando Martinez.


Detalhe da melhor chance sorocabana durante a maior parte do tempo inicial. A bola foi escorada no segundo pau e Romário chutou na arquibancada. Foto: Fernando Martinez.


Canga chuta para abrir o placar para o Atlético. Foto: Fernando Martinez.


Ataque do time da casa pela direita do ataque. Foto: Fernando Martinez.

No segundo tempo o panorama mudou e as equipes inverteram os papeis. O Sorocaba tentou segurar a vantagem parcial e o Comercial se mandou para o ataque em busca de melhor sorte. Romário por muito pouco não ampliou para os locais aos 15 e no lance seguinte Mateus quase fez para o Bafo. O jogo era muito bom.

Adílson se tornou em definitivo o nome da partida com uma grande defesa aos 30 e uma mais complicada ainda nos minutos finais. O Atlético até poderia ter feito o segundo, mas desperdiçou todos os contra-ataques armados. No fim, foi confirmado o marcador do primeiro tempo.

O Atlético Sorocaba 1-0 Comercial fez com que o time da Manchester Paulista saísse da zona de rebaixamento depois de algumas rodadas de desespero. A equipe agora está na 15º colocação com quinze pontos ganhos. Situação bem ruim, mas só pelo fato de não estar entre os quatro últimos o pessoal já ganha uma injeção de ânimo. Não será fácil o restante do certame, pois o time do Reverendo Moon joga mais apenas dois jogos no Wálter Ribeiro.

O Bafo continua com treze e agora ele que está no Z4. Com mais esse revés longe do Palma Travassos, agora o time soma apenas um ponto ganho em seis jogos disputados longe da sua casa. Uma performance horrorosa para uma equipe tão tradicional e que estava na elite estadual em 2014. Vale lembrar que agora faltam cinco jogos para o final da competição.


Jogada rápida no começo do segundo tempo em ataque do Sorocaba pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.


Interceptação da zaga do Bafo. Foto: Fernando Martinez.


Disputa de bola na marca de escanteio. Foto: Fernando Martinez.


Falta perigosa para o Comercial. Foto: Fernando Martinez.

Bom, saindo do estádio fui até a rodoviária a pé junto com os amigos presentes. Cheguei ali em cima da pinta, mas a tempo de pegar o ônibus para voltar pra casa. O coletivo milagrosamente estava vazio, mas eu dei sorte de pegar uma poltrona premiada e totalmente encharcada (!). Isso mesmo, encharcada. O cansaço era tão grande que nem liguei, apenas mudei de lugar e bati uma soneca nervosa por todo o trajeto até meu QG.

Cheguei tarde em casa e fui dormir mais tarde ainda, mas nada que me impedisse de ir no meu primeiro jogo numa sexta-feira santa em todos os tempos.

Até lá!

Fernando

Um comentário:

  1. sr. fernando gostaia que vocesd mostrassem sabaqdo dia 11 de abril o jogo juventus e intrtenacinal de limeira nas rua javari, um jogo da ferroviari qe vi jogar com sao caetano, um jogo da motnense
    que vi jogar com sao caetano, e um jgo do rio bnrnaco de american que vai jogar com santo ande e mostar um jogo da serie a1 amnah penapolense e saobento de sorocaba amanh que e jogo decisivo e nao vai pasaar na tlevisao ou se voces conseguirem o vidoe deste jogo por as fotos de penaplense e saobento de sorocaba. egostari de saber sevoces vao passar a 2 divisao 2015 e nmostra jogos de times de perto nmas 1 fase e mostrar a minha briosa portuguesa sabtista começa dia 19 4 20156 fico noa guarod de uma resposxt urgrgente. boa pasco sr fernando e equiepe. um abaço dia 7 4 2015.

    ResponderExcluir