Procure no JP

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Coelho vence o Oeste e segue na luta pelo acesso

Texto e fotos: Fernando Martinez


Na tarde de sábado, em meio a várias alternativas, fui pela quarta vez na Arena Barueri na atual temporada do Campeonato Brasileiro da Série B. Pela 30ª rodada, a 11ª do segundo turno, o Oeste, seguindo na sua campanha de altos e baixos, recebeu o genial América Mineiro tentando voltar a vencer depois de três jogos. Depois de chegar à lanterna e passar as 16 primeiras rodadas do torneio na zona de rebaixamento, o escrete belorizontino se recuperou heroicamente e está lutando pelo acesso.

Não foi difícil escolher essa peleja. No dia anterior fui dar uma olhadinha na minha lista e me assustei com a informação que não via o Coelho in loco desde julho de 2004 (!): derrota por 3x2 contra o Santo André num jogaço realizado no ABC em tempos que o JP nem existia. Apesar de estar sempre atuando na capital bandeirante, há mais de quinze anos estava sem ver uma apresentação do elenco principal do onze mineiro. Uma vergonha.

A presença americana nas páginas do blog se resumia a um único post antes do sábado. O aposentado Orlando cobriu a estreia de Grêmio Barueri em competições nacionais em 16 de julho de 2006 justamente contra os mineiros no Canindé (derrota pela contagem mínima). No fim daquele ano, o falecido GRB conquistou o acesso para a Série B e dali fez história. Em Copinhas, oito coberturas entre 2006 e 2018. Já estava na hora de voltar a ver o Coelho em campo.




Assim como no jogo contra o Paraná, captei as imagens oficiais na carona do pessoal que estava no gramado. É de longe, mas vale igual

Pena que esse retorno tenha sido numa partida um tanto quanto meia-bomba. Junto com o trio Renato, Pucci e Milton, vi 90 minutos que ganharam uma tímida nota cinco pela força de vontade dos atletas. Na primeira meia hora nada aconteceu e somente nos quinze minutos finais vimos lances de perigo, a maioria a favor do Oeste. Roberto aos 30 e Elvis aos 35 levaram perigo à meta de Airton sem que a mesma fosse vazada.

Aos 42, Mazinho ficou livre cara-a-cara com o arqueiro visitante porém chutou em cima dele. Aos 44 foi a vez do América assustar em cabeçada de Leandro Silva e boa defesa de Luis Carlos. Aos 48, Salomão criou o maior momento rubro-negro na tarde quando chutou de longe e a bola bateu na trave. No intervalo, fui às tribunas fazer companhia aos amigos pois o vento na parte alta da cancha estava fazendo a curva e não estava afim de pegar uma gripe.


Visão geral da Arena Barueri em reforma, a primeira desde a inauguração em 2007



O América/MG tentou vários cruzamentos no primeiro tempo mas nenhum deu resultado

Na etapa final, o América voltou melhor, mas nada que possamos dizer "nossa, que atuação magnífica". Flávio foi o dono da primeira chance aos três e o Oeste respondeu na sequência com Mazinho. Por quase trinta minutos nada aconteceu e, como sempre, o ponto alto foi o bate-papo com a rapaziada. Já sentíamos o cheiro forte de 0x0 quando, aos 30, Flávio abriu o marcador a favor dos visitantes. Ele aproveitou rebote de Luis Carlos em finalização dele mesmo e deixou o Coelho em vantagem.


Matheusinho (10) preparando chute de longe


Lance de perigo dentro da área do Coelho nos minutos finais


Placar final da peleja na Arena Barueri. O Oeste precisa acordar logo caso não queira parar na Série C em 2020

Os locais buscaram o empate e até tiveram uma boa oportunidade com Elvis aos 37, só que a igualdade não saiu. No fim, o placar de Oeste 0x1 América/MG marcou o quarto jogo paulista sem triunfo e a permanência com 35 pontos ocupando a incômoda 15ª posição. Os mineiros chegaram aos 47 e empataram com o Coritiba, quarto colocado, ficando atrás apenas pelos critérios de desempate. Faltando oito rodadas, não tem como ninguém vacilar mais.

Enquanto o amigo-abelha Renato Rocha se mandou da Arena numa carona no ônibus do Outubro Rosa da Prefeitura local (!), eu e a dupla restante fomos fazer aquela boquinha marota numa casa de esfihas pertinho da Arena. A esfiha ali é absolutamente sensacional. Sem pressa, enchemos o bucho antes de pegar os trilhos da CPTM com destino à capital.

A próxima cobertura do JP vai ser antológica com um amistoso internacional já preparando o clima da Copa do Mundo sub-17 que começa no dia 26. Vamos comemorar os 15 anos de blog da melhor maneira possível.

Até lá!

_________________________

Ficha Técnica: Oeste 0-1 América/MG

Competição: Campeonato Brasileiro Série B; Local: Arena Barueri (Barueri); Árbitro: Pathrice Corrêa Maia (RJ); Público: 1.118 pagantes; Renda: R$ 17.900,00; Cartões amarelos: Lídio, Betinho, Bruno Gonçalves, Thiaguinho (Oes); Lucas Kal, Felipe Azevedo (Ame); Gol: Flávio 30 do 2º.
Oeste: Luis Carlos; W. Bonilha, Lídio, Caetano e Salomão; Thiaguinho, Betinho e Elvis; Roberto (Gabriel Vasconcelos), Mazinho (Bruno Gonçalves) e Fábio (Cesinha). Técnico: Renan Freitas.
América/MG: Airton; Leandro Silva, Ricardo Silva, Lucas Kal e João Paulo (Sávio); Flávio, Juninho e Willian Maranhão; Diego Ferreira (Felipe Azevedo), Matheusinho (Geovane) e Júnior Viçosa. Técnico: Felipe Conceição.
_____________

Nenhum comentário:

Postar um comentário