Procure no JP

segunda-feira, 3 de julho de 2017

Osasco FC vence o Barcelona em grande jogo com duas viradas

Texto e fotos: Fernando Martinez


Na manhã do domingo o Barcelona Capela fez sua última apresentação como mandante no Campeonato Paulista da Segunda Divisão e, claro, a minha presença era obrigatória. O Elefante recebeu o Osasco FC no Estádio Nicolau Alayon querendo vencer pela primeira vez na competição e além disso quebrar o tabu de 18 jogos sem triunfos.

Desde que o time da Zona Sul voltou ao profissionalismo em 2015, essa foi a 23ª apresentação em casa e a 23ª em que estive presente. Mantive os 100% de aproveitamento com louvor e é fato que não há nenhum veículo de imprensa que cobriu tantas vezes o BEC quanto o JP. Além disso, foi a minha 39ª peleja do clube de 111 realizadas até hoje.

No encontro do turno, que também contou com a cobertura do blog, o onze paulistano vencia até o último minuto e então sofreu o gol de empate. Desde então os osasquenses melhoraram bastante a performance e antes dessa rodada somavam três vitórias seguidas. Os triunfos colocaram a agremiação na terceira colocação do Grupo 3.


Barcelona Esportivo Capela Ltda. - São Paulo/SP


Osasco Futebol Clube - Osasco/SP


Capitães dos times junto ao árbitro Luciano Silva, os assistentes William Rogério Turola e Edivaldo Pereira da Silva e o quarto árbitro Marcelo Fabiano Mingoranci

Debaixo de uma temperatura agradabilíssima, o Osasco FC iniciou os trabalhos totalmente inspirado e Vinícius abriu o marcador aos dois minutos em cobrança de pênalti no canto superior direito. Aos dez, Marcelo Augusto chutou cruzado e obrigou Alexandre a fazer duas ótimas defesas consecutivas.

Aos 16 aconteceu o lance mais surreal da manhã. Foram várias oportunidades de perigo num espaço de apenas 90 segundos. Primeiro Élton chutou, Alexandre fez boa defesa, Rafael aproveitou o rebote e a zaga salvou. No escanteio que se seguiu, Vinícius tentou e o mesmo Alexandre salvou chute de Bruno. Sem tempo da zaga respirar, Marlon tentou pela última vez em outro córner e o camisa 1 apareceu bem. Ufa!

No trigésimo minuto cada equipe ficou com um a menos em campo quando Alessandro e Vinícius foram expulsos. Com dez para cada lado, o Barcelona passou a jogar melhor e desperdiçou chances de empate aos 40 e 42 minutos, respectivamente em grande cobrança de falta de Félix e finalização de Ícaro. Ao final do primeiro tempo, o magro 0x1 não indicava o que tinha acontecido no gramado.


Aos dois minutos, Vinícius bateu pênalti com precisão e abriu o placar no Alayon


Boa cobrança de falta de Ícaro ainda no primeiro tempo

Quando a partida reiniciou, o Elefante manteve o ritmo e em apenas nove minutos chegou a uma inesperada virada. Aos quatro, John avançou pela esquerda e acertou um tiro cruzado. Aos nove, Ícaro recebeu grande lançamento, ganhou a dividida com o defensor e mandou pro fundo do gol.

Com o 2x1, a parte mais animada da arquibancada passou a acreditar que a vitória finalmente aconteceria ainda em 2017. Pena que os atletas locais tenham se desconcentrado um pouco, e isso chamou o Osasco FC de volta ao ringue. Após boas chegadas, aos 25 os visitantes voltaram a deixar tudo igual com um tento de cabeça de Andrezinho.

Melhor em campo, o alvinegro tanto insistiu até chegar ao terceiro gol aos 38 minutos. Marlon cruzou da esquerda e a bola encontrou a cabeça do camisa 9 Danrley, colocando a Águia novamente à frente. O BEC, que já não estava assim uma Brastemp, se entregou e não teve forças para reagir.


Agora no segundo tempo, a vez de Matheus tentar o empate na bola parada


O camisa 11 John chutando para deixar tudo igual no Nacional


Contra-ataque do Osasco FC


A alucinada comemoração pelo terceiro gol visitante. Gol que colocou o time na segunda fase da competição


Esse foi o 17º jogo do Elefante na Comendador Sousa e mais uma vez a equipe não conseguiu vencer ali. Vamos esperar 2018...

Com o placar final de Barcelona 2-3 Osasco FC, os paulistanos chegaram ao 19º jogo sem vitórias na Segundona e igualaram o recorde negativo registrado entre 2015 e 2016. Resta ao time tentar quebrar a incômoda marca na despedida contra o Guarulhos, fora de casa, no próximo domingo. Já a Águia chegou ao quarto triunfo seguido e com ele garantiu uma vaga na segunda fase.

Se dependesse de mim, teria encerrado a rodada já na parte da manhã, mas a insistência dos bons amigos presentes me fez prorrogar a jornada com uma sessão vespertina pela despedida da primeira fase do Paulista Feminino.

Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário