Procure no JP

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Grande virada do Guarulhos em cima do CA Diadema

Texto e fotos: Fernando Martinez


O que fazemos quando pinta uma rodada dupla genial válida pelo Campeonato Paulista da Segunda Divisão numa sexta-feira? Armamos um esquema de primeira e marcamos presença em ambos. A longa jornada começou com uma sessão vespertina e o duelo entre CA Diadema e Guarulhos no Baetão. O jogo foi válido pela 12ª rodada do Grupo 3 do certame.

O CAD vem atuando em São Bernardo do Campo por conta de um imbróglio que não libera o Distrital do Inamar. No gramado sintético do Baetão, o time havia feito duas partidas e somado duas derrotas até então: 0x3 contra o Bernô e 1x2 versus o Osasco FC. Além disso, a equipe é a penúltima colocada da chave e só fica à frente do Barcelona por conta do número de vitórias.

Já o Guarulhos começou a Segundona mal, conseguiu se recuperar, emendou uma sequência de cinco compromissos sem perder e caiu de produção de novo. Antes desse confronto, o time estava sem nenhum triunfo desde o 1x0 contra o Elosport em 13 de maio. Essa campanha irregular tirou a equipe do G4 e voltar a vencer seria essencial para ainda pensar numa vaga na segunda fase.


Clube Atlético Diadema - Diadema/SP


Associação Desportiva Guarulhos - Guarulhos/SP


Capitães dos times junto ao árbitro Marcos Silva Gonçalves, os assistentes Domingos da Silva Chagas e Felipe Camargo Moraes e o quarto árbitro Daniel Carfora Sottile

Encarei a sessão dupla junto com o animadíssimo Emerson, e chegamos no tradicional estádio do ABC na boa, sem pressa e com aquele tempo maroto para fazer toda a correria antes do apito inicial. O forte sol enganava algum espectador mais desavisado, pois apesar da presença magnânima do astro-rei, na sombra o vento frio não nos deixava esquecer que estamos na estação mais sensacional do ano.

Quando o árbitro iniciou os trabalhos, o Diadema começou melhor e logo aos quatro minutos, num ataque pela direita, um dos atacantes locais avançou e chutou forte, obrigando o arqueiro visitante a fazer boa defesa. Aos 10, novo bom momento do escrete diademense num tiro que saiu mascado pela linha de fundo.

A primeira investida do Guarulhos aconteceu aos 17. A pelota foi lançada até Rhuan, a zaga parou pedindo impedimento e o camisa 9 surgiu livre frente-a-frente com Agenor, que fez a boa defesa. No minuto seguinte o CAD abriu o marcador com Bruno completando de cabeça um cruzamento da direita.

Nem bem o gol tinha saído e o CAD ficou com um a menos em campo com a expulsão do zagueiro Gustavo. Ele acertou um pontapé em Wellington e recebeu o segundo cartão amarelo. Mesmo com dez, o clube fez 2x0 aos 32 minutos, quando André recebeu bom passe da esquerda, virou em cima do defensor e mandou no canto de Paulo.

Com dois gols de desvantagem, o Guarulhos parecia não ter forças para buscar algo melhor ainda no primeiro tempo. Foi aí que a estrela de Romarinho brilhou. O camisa 11 fez dois gols de falta num espaço de menos de dois minutos, algo raro nos dias atuais. O primeiro foi aos 37 com a cobrança no canto direito. O segundo foi ainda mais genial aos 39 com a pelota entrando milimetricamente no ângulo esquerdo.


O Diadema começou o jogo com tudo, assustando o Guarulhos


Disputa de bola pelo alto no meio de campo



Os dois gols de falta de Romarinho que deixaram tudo igual no placar: primeiro a pelota foi no canto direito, depois, ela entrou no ângulo esquerdo, sem chances para o arqueiro local

O ótimo primeiro tempo se encerrou com o 2x2 no marcador, e no segundo as equipes voltaram a campo na base do equilíbrio total durante dez minutos. O CAD conseguia superar o fato de jogarem com dez com louvor. Só que o onze guarulhense não estava disposto a jogar essa vantagem fora.

Aos 11 minutos a bola sobrou para João Pedro. Ele definiu na marca do pênalti e virou o marcador. Quatro minutos depois Binho recebeu ótimo passe, driblou o defensor e fez o quarto visitante. Aos 23 Daniel também recebeu o segundo cartão amarelo e deixou o CAD com nove atletas. Foi o que bastou para a vitória visitante se confirmar.

Os locais buscaram armar uma pressão em busca de diminuir o prejuízo, sem sucesso. Antes do apito final ainda teve tempo do ADG ampliar o triunfo. Romarinho confirmou a artilharia da tarde marcando seu terceiro gol, o quinto do Guarulhos, em cobrança de pênalti aos 45 minutos. Ele estava sem marcar desde 22 de abril e quebrou o jejum com estilo.


João Pedro chutando para virar o marcador no Baetão


Romarinho fechando a goleada guarulhense aos 45 do tempo final


O goleiro do CAD Andrew desolado após a derrota sofrida

O placar de CA Diadema 2-5 Guarulhos colocou o time azul, vermelho e branco na quinta posição do Grupo 3 com 16 pontos, um atrás do Itararé e dois do Osasco FC. Agora a equipe enfrenta o Elosport fora de casa e o Barcelona nos seus domínios. O CAD está eliminado faz tempo e disputará apenas dois "amistosos".

Com o fim da primeira peleja saímos do Baetão pensando em emplacar aquele almoço esperto antes de conferir o duelo do líder no jogo de fundo. Pena que o bom futebol tenha ido embora junto com o sol...

Até lá!

Nenhum comentário:

Postar um comentário