Procure no JP

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Começa a 46ª Copa São Paulo de Futebol Júnior 2015

Fala, pessoal!

Após um mês de descanso absoluto, 2015 começou e com ele chegou a 46ª edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, um dos torneios mais aguardados do ano. O JP, como não poderia deixar de ser, marcou presença logo no primeiro dia de competição. O Estevan foi de manhã até Indaiatuba e eu fui de noite até Osasco, cidade que sedia o Grupo Q da Copinha, mesmo sem nenhum time novo para colocar na Lista.

A peleja de estreia reuniu os times do Osasco FC e do Vilhena/RO. O time alvinegro acabou de última hora entrando no lugar do Grêmio Osasco como equipe-sede. O GEO iria utilizar um time composto só por indígenas, mas a FPF barrou a presença do clube por conta de atraso da inscrição dos atletas. Além disso, colocou o OFC no lugar.

Apesar de toda a revolta e luta para recolocar o GEO no campeonato, não teve choro nem vela e a entidade manteve no rol de participantes o time fundado em 1992. Com a nova situação, o Osasco Futebol Clube se garantiu para fazer a primeira participação na Copinha em todos os tempos. Já o Vilhena veio ao estado pela segunda vez (a primeira foi em 2006).

Fui ao Estádio José Liberatti junto com o trio Luiz, Cosme e o magnata $eu Natal. Chegamos sem problema no local e logo fui credenciado para fazer os instantâneos dentro de campo. No gramado, Ricardo Espina já fazia os trâmites legais para obter as escalações das equipes.

Como sempre, fiquei aguardando a entrada dos times na cancha para captar as imagens dos mesmos posados. Uma tradição do JP que continua (na medida do possível) no novo ano.


Osasco FC (sub20) - Osasco/SP. Foto: Fernando Martinez.


Vilhena EC (sub20) - Vilhena/RO. Foto: Fernando Martinez.


Capitães dos times e quarteto de arbitragem. Foto: Fernando Martinez.

Por motivos óbvios, acabei escolhendo acompanhar o ataque do time da casa durante o tempo inicial. Logo aos cinquenta segundos fui "premiado" com o primeiro gol da partida e da nossa temporada futebolística. Wesley recebeu bom passe em profundidade pela direita, avançou dentro da área, driblou o goleiro e tocou para deixar o time local em vantagem.



Wesley driblando o goleiro e comemorando o primeiro gol do Osasco FC na Copa São Paulo. Fotos: Fernando Martinez.

É, mas essa acabou sendo a única boa jogada dos donos da casa durante a etapa inicial. O Vilhena aos poucos foi se soltando e chegou perto da igualdade. O primeiro tempo terminou com a vantagem mínima do Osasco FC. No segundo, os rondonienses continuaram jogando melhor e aos 12 minutos Lucas deixou tudo igual.


Ataque osasquense sob a firme marcação rondoniense. Foto: Fernando Martinez.


Outra jogada de ataque local. Foto: Fernando Martinez.

O onze osasquense seguia sem criar chances e sem convencer, irritando a torcida presente no Liberatti. O Lobo do Cerrado mereceu virar o jogo por conta da boa apresentação. Mas como no futebol a justiça não existe, o Osasco, na segunda chance clara de gol criada durante os 90 minutos, fez o segundo aos 35. Maiki marcou de cabeça e recolocou o time paulista em vantagem.


Ofensiva do Vilhena no tempo final. Foto: Fernando Martinez.

A equipe azul e vermelha não conseguiu forças para buscar um novo empate e no fim a partida terminou em Osasco FC 2-1 Vilhena. Estreia com futebol fraco mas com os três pontos na mochila, isso que mais importou para o pessoal da casa.

Como de costume na primeira fase da Copa São Paulo a rodada era dupla, e cerca de meia hora depois do apito final começou o jogo de fundo da jornada inicial do Grupo Q.

Até lá!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário