Procure no JP

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Bragantino faz a lição de casa e vence o Lajeadense na Copa do Brasil

Olá pessoal,

Como dito anteriormente, após sair de Paulínia, segui até Bragança Paulista, mais precisamente ao Estádio Nabi Abi Chedid, para acompanhar outro jogo da 1ª Fase da Copa do Brasil, Bragantino e Lajeadense, que também haviam empatado sem gols no Rio Grande do Sul.


Equipes perfiladas para o hino nacional. Foto: Victor Minhoto.

Ao contrário do que vi à tarde, os locais logo tomaram as rédeas da partida e passaram a comandar as ações, porém, as chances de gol eram raras. Apesar do domínio territorial, o Bragantino somente levava perigo nas bolas paradas, já que a equipe gaúcha permanecia fechada na defesa tentando levar o jogo para as cobranças de pênaltis.


Visão geral do estádio no início da partida. Foto: Victor Minhoto.

O primeiro tempo seguiu nesse ritmo até o 32 minutos. Após cobrança de escanteio pela esquerda do ataque, a zaga visitante não conseguiu afastar a bola da área e o zagueiro Astorga, camisa 3, chutou forte para abrir o marcador em favos dos locais.

Esse gol não mudou o panorama da primeira etapa, que seguiu da mesma forma até o final. O segundo tempo começou da mesma forma, o Bragantino dominando as ações, mas sem quase levar perigo a meta adversária, mesmo porque o Lajeadense não demonstrava forças para mais nada.


Escanteio em favor do time local. Foto: Victor Minhoto.

Nos quinze minutos finais os gaúchos perceberam que se não fizessem nada a eliminação era certa, assim, resolveram adiantar sua equipe e passaram a rondar a área paulista. Apesar deste comportamento mais agressivo, porém desorganizado, o arqueiro Leandro, do Massa Bruta, teve pouco trabalho.


Equipe gaúcha se prepara para cobrança de falta. Foto: Victor Minhoto.

Dessa forma o time paulista segurou o placar até o resultado final de Bragantino 1-0 Lajeadense e se classificou à próxima fase, quando vai encarar o Figueirense, certamente um adversário muito mais perigoso. Em seguida, voltei para casa e dormi sonhando com minha lista, que andou mais dois passos.

Até a próxima,

Victor

Nenhum comentário:

Postar um comentário