Procure no JP

segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Água Santa confirma classificação em goleada contra o Fernandópolis

Fala, pessoal!

Graças à absurda temperatura senegalesca dos últimos tempos em São Paulo, o meu final de semana futebolístico se resumiu a apenas um jogo. Pela última e decisiva rodada da terceira fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão, visitei domingo cedo o Baetão pela 11ª vez em 2013 no confronto entre Água Santa e Fernandópolis.


EC Água Santa - Diadema/SP. Foto: Fernando Martinez.

O time de Diadema estava na boa e somente uma catástrofe épica o eliminaria do certame. A equipe precisaria sofrer uma goleada implacável para o eliminado Fefecê, algo completamente fora de cogitação, ainda mais levando em conta que a o time azul veio com muitos atletas sub20 para essa despedida.


Fernandópolis FC - Fernandópolis/SP. Foto: Fernando Martinez.


Posando para as lentes do JP o árbitro Leandro Carvalho da Silva, os assistentes Edvânio Ferreira Duarte e Francisco Reginaldo Moreira e os capitães dos times. Foto: Fernando Martinez.

Mesmo com o gramado sintético queimando os pés dos atletas, o primeiro tempo foi muito bom. O Fernandópolis começou melhor e teve o domínio por cerca de 10 minutos. Passado esse tempo, o Água Santa fez valer sua melhor campanha e definiu a peleja antes mesmo do intervalo chegar.


Raro ataque do Fefecê no Baetão. Foto: Fernando Martinez.

Mostramos no JP semana passada que o jogador Danilo tinha "tirado a zica" no jogo contra a Portuguesa Santista, marcando seus dois primeiros gols no certame. Depois de passar o jogo do meio da semana contra o Atibaia em branco, ele resolveu simplesmente duplicar sua performance dominical, sendo responsável direto pela goleada do time local.


Hora da careta em bola disputada pelo alto. Foto: Fernando Martinez.

O camisa 9 fez de cabeça o primeiro gol aos 15 minutos de jogo, se aproveitando de lapso da zaga visitante. O veterano Ricardinho fez o segundo, num dos tentos mais bonitos do certame até aqui. Ele avançou livre pela esquerda e da intermediária acertou um belíssimo chute por cobertura. Pintura de gol.


Saída da Águia para o ataque. Foto: Fernando Martinez.

Danilo voltou a atacar aos 41, no terceiro do Água Santa num quase-replay do gol de Ricardinho. Antes do primeiro tempo acabar, o time da casa fez mais um, de novo com Danilo, agora se antecipando ao goleiro após cruzamento da esquerda e tocando para as redes. Se alguém tinha alguma dúvida da classificação do Água, ela se dissipou por completo com os 4x0.


Outra bola alçada no ataque do Água. Foto: Fernando Martinez.

Com o jogo e a classificação já mais do que definidas, o segundo tempo foi mais cadenciado e num ritmo muito menos intenso. Destaque para os inúmeras vezes em que os atletas foram aos respectivos bancos de reservas para refrescar seus pés. Por causa das bolinhas de borracha espalhadas pelo gramado sintético, a temperatura do solo vai fácil para as alturas em dias de forte calor. Nós testamos e realmente a coisa é complicada.


Lance de Água Santa x Fernandópolis. Foto: Fernando Martinez.

Entre uma parada e outra, o atacante Danilo marcou novamente e emplacou seu quarto (!) gol na manhã. Eram decorridos 11 minutos e o Água então fazia seu quinto gol. Daí pra frente as atenções se voltaram para as outras partidas da rodada, todas definindo vagas na próxima fase.


Ofensiva diademense pela esquerda. Foto: Fernando Martinez.

Enquanto chegavam informações de todos os cantos, a peleja no Baetão foi seguindo calmamente para o seu final. No último lance, Renan Barcelos chutou de longe e contou com um desvio da zaga para diminuir a marcar o gol de honra do Fefecê na peleja. Sem nenhuma surpresa, o resultado final foi de Água Santa 5-1 Fernandópolis.

A equipe de Diadema acabou a terceira fase como líder do Grupo 16, dois pontos à frente do Atibaia. Agora a Segundona chegou na sua reta final e os oito times restantes se dividirão em duas chaves de quatro e os dois primeiros de cada conseguirão o sonhado acesso para a A3 em 2014. Um dos grupos terá a presença de Água Santa, Inter de Bebedouro, Cotia e Assisense. O outro, Matonense, Atibaia, Tupã e Paulistinha.

Como não poderia deixar de ser, o JP vai marcar presença nessa fase, assim como fazemos desde a criação da Segundona em 2005. Afinal, não tem como ficar de fora na hora das verdadeiras decisões, certo?

Até a próxima!

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário