Procure no JP

segunda-feira, 14 de julho de 2008

Guarulhos classificado para a segunda fase da Segundona

Olá,

Dando seguimento à cobertura do JOGOS PERDIDOS ao Campeonato Paulista da Segunda Divisão que está chegando ao final da primeira fase, com jogos decisivos para definição das equipes que vão seguir na competição, no sábado à tarde fui até a vizinha cidade de Guarulhos para acompanhar a partida A.D. Guarulhos x C.A. Joseense que foi realizada no Estádio Antônio Soares de Oliveira e que valeu pela penúltima rodada da primeira fase do Grupo 4.

Essa partida era decisiva para as duas equipes, sendo que uma vitória do time guarulhense o colocaria na próxima fase do campeonato com uma rodada de antecedência, ao passo que o triunfo do Joseense o deixaria vivo na competição e a definição ocorreria na última rodada. Antes da bola começar a rolar, vamos com as tradicionais fotos dos times e da arbitragem que estão abaixo e são exclusivas:


A.D. Guarulhos - Guarulhos/SP. Foto: Orlando Lacanna.


C.A. Joseense - São José dos Campos/SP. Foto: Orlando Lacanna.


Quarteto de arbitragem formado por Rafael Porcari, seus assistentes Daniel Paulo Ziolli e Ruben Guimarães Marcondes Cézar, além do quarto árbitro André de Castro Silva, acompanhado pelos capitães das equipes. Foto: Orlando Lacanna.

Como era um jogo decisivo, as equipes demonstraram um apetite enorme nas disputas das jogadas, dando sinais de que seria um jogo tenso e cheio de garra.


Disputa acirrada de bola junto à lateral. Foto: Orlando Lacanna.

Com o passar do tempo, o time da casa foi mostrando que estava mais bem distribuído em campo e como conseqüência criou algumas jogadas mais perigosas, como a que ocorreu aos 7 minutos com o atacante Bruno cabeceando com perigo para fora, assustando a defesa dos visitantes. Aos 23 minutos, o goleiro Novaes do Joseense praticou boa defesa e, aos 28 minutos viu a bola carimbar o seu travessão numa bomba desferida por Bruno Ferrari de fora da área.


Cruzamento perigoso do ataque do Guarulhos pela esquerda. Foto: Orlando Lacanna.


Agora cruzamento vindo da direita com o nº 2 do Guarulhos Adriano levitando. Foto: Orlando Lacanna.

O jogo ia seguindo com muita disposição, até que aos 40 minutos ocorreu o lance mais polêmico da primeira etapa, quando o atacante Bruno do Guarulhos surgiu totalmente livre na cara do goleiro Novaes e acabou não fazendo aquele que seria o gol inaugural. Esse lance provocou muitas reclamações por parte dos atletas e de alguns dirigentes que alegavam um possível impedimento. Nos últimos minutos as equipes ainda correram bastante, porém sem conseguirem movimentar o placar e, com isso a expectativa de um jogo com mais emoção ficou para o segundo tempo.

Partida reiniciada e, logo nos primeiros momentos o Guarulhos demonstrou que voltou a campo disposto a liquidar a fatura e deixar o gramado classificado, tanto que, aos 2 minutos perdeu gol certo em jogada de Jaílson pela direita. O Guarulhos continuou melhor e aos 10 minutos chegou ao seu primeiro gol, marcado por Henrique aproveitando rebote, num lance que começou com uma cobrança de falta executada pelo goleiro Diego ao estilo de Rogério Ceni.


Momento exato em que Henrique toca a bola para o fundo da meta do Joseense. Foto: Orlando Lacanna.

Dada nova saída e dois minutos após o tempo fechou, com a maioria dos jogadores trocando alguns tapas e muitos empurrões, formando uma confusão geral que acabou envolvendo até os bancos de reservas. Ao final da encrenca, o árbitro expulsou quatro atletas, sendo três do Joseense (Paraná, Fernandão e Rarinei) e um do Guarulhos (Henrique). Depois da confusão, o Guarulhos com dois atletas a mais, naturalmente passou a exercer maior domínio territorial, mas encontrava dificuldades para definir a partida, com seus atletas demonstrando afobação na hora da definição, além dos seus atacantes se colocarem em impedimento com freqüência. Por sua vez, o Joseense com apenas oito atletas, lutava bravamente e não se entregava.

Aos 23 minutos, o time da casa teve o seu segundo atleta expulso, quando o zagueiro Bruno Ferrari recebeu o segundo cartão amarelo, reduzindo a diferença para apenas um atleta a favor da ADG. Somente aos 39 minutos o Guarulhos chegou ao seu segundo gol anotado por Jaílson que aproveitou um presentão do goleiro Novaes que ao defender uma bola com os pés, deu um passe perfeito ao adversário que não perdoou.


Goleiro caído e bola no fundo da meta do Joseense no segundo gol da ADG. Foto: Orlando Lacanna.

Quando parecia que tudo estava definido, eis que aos 41 minutos, o Joseense chegou ao seu gol, marcado de cabeça por intermédio de Bruno que aproveitou cruzamento vindo da direita em cobrança de escanteio, num lance em que todo setor defensivo do Guarulhos titubeou.

Nos últimos minutos ainda tivemos dois lances de muita emoção, com o Guarulhos desperdiçando ótima chance para matar o jogo e em seguida o avante Tico do Joseense colocou a bola no travessão da meta defendida por Diego que ainda desviou a trajetória da bola com a ponta dos dedos, provocando um friozinho na barriga da torcida local.


Lance que originou o gol do Joseense. Foto: Orlando Lacanna.

Após esses dois lances, não houve tempo para mais nada e a partida foi encerrada com o placar mostrando Guarulhos 2 - 1 Joseense que sacramentou a classificação do time guarulhense para a segunda fase na qual terá oportunidade de tentar avançar na competição, muito embora irá enfrentar equipes que darão muito mais trabalho. Quanto ao Joseense, que reclamou muito da arbitragem, resta realizar a última partida da primeira fase e começar o planejamento para a participação na Segundona em 2.009.

Fim de jogo e volta para São Paulo para aquele descanso e início da concentração para uma nova viagem que seria realizada no domingo pela manhã em direção a uma importante cidade do nosso interior para cobertura de mais um jogo do Brasileirão da Série C. Aguardem.

Abraços,

Orlando

Nenhum comentário:

Postar um comentário