Procure no JP

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Mauaense ganha do Atibaia pela Segundona

Fala povo!

Depois de duas semanas afastado dos gramados por vários motivos, nesse sábado e domingo voltei para curtir alguns joguinhos por aí. A rodada começou sábado cedo, quando sozinho segui numa epopéia para ver um jogo do Campeonato Paulista da Segunda Divisão. Fui pela primeira vez no ano no Estádio Municipal Pedro Benedetti, que fica na cidade de Mauá, para a partida entre o Grêmio Mauaense contra o SC Atibaia.

Mas por problemas de logística e acreditando numa impossível boa vontade do sistema de ônibus intermunicipal da Grande São Paulo, me atrasei demais e demorei mais de duas horas para chegar lá, num caminho que pode ser feito em um pouco mais de uma hora. Entrei no estádio com cinco minutos de jogo, e era questão de honra fazer as fotos oficiais do jogo no intervalo de partida. Na volta para a segunda etapa eu as consegui de forma exclusiva, como podem ver abaixo:


GE Mauaense - Mauá/SP. Foto: Fernando Martinez.


SC Atibaia - Atibaia/SP. Foto: Fernando Martinez.


Um quarteto já bastante conhecido aqui no JP: O árbitro José Roberto Marques, os auxiliares Claudson Lincoln Beggiato e Luiz Antônio Corrêa e o quarto árbitro Luciano Alves de Lima. Junto com eles, os capitães do Mauaense e do Atibaia. Foto: Fernando Martinez.

Registro aqui que o quarteto de abritragem desse jogo é bastante conhecido pelo pessoal do JP, inclusive com o árbitro José Roberto Marques tendo sido o juiz da partida entre Cubatense e Jabaquara em 2005, quando fizemos nossa famosa aparição mo Esporte Espetacular. Ele solicitou dispensa médica até o final do ano, mas esperamos que volte em breve aos gramados.

O time de Mauá já tinha dado as caras aqui no jogo contra o Guarulhos pelas mãos do Orlando, e dessa vez eu tive a chance de ver o líder do grupo 4 em campo. O Atibaia por sua vez também faz boa campanha, e mesmo com a perda dos três pontos (porquê apenas três pontos, euquanto outros times perdem seis pela mesma irregularidade?) o time ainda estava na zona de classificação, em terceiro lugar. E o time laranja prometia a revanche da primeira partida entre os dois pelo primeiro tempo. Na ocasião, o time de Mauá ganhou por 3 a 0 fora de casa.


Tentativa de longe do Atibaia no primeiro tempo de jogo. Foto: Fernando Martinez.

Cheguei na hora do gol do Mauaense, logo aos 4 minutos de partida e mostrando que o Atibaia teria dificuldade em devolver a derrota. Mas depois do gol, a partida ficou demasiadamente truncada, sem tantas chances agudas para as duas equipes. Lá do alto, nas cabines de imprensa, vi um jogo que era mais interessante pelas provocações das torcidas do que pela bola rolando.


Goleiro do Atibaia sai do gol para evitar o segundo dos donos da casa. Foto: Fernando Martinez.

E o jogo foi passando, passando, passando, sem tantas emoções dignas de registro. Quase dormindo dentro da cabine, que tinha uma confortável cadeira numa sombra magnífica, esperei o tempo passar para poder entrar no gramado no segundo tempo. Ah, o jogo foi para o intervalo com a vantagem mínima do Mauaense. Nesse intervalo até tentei ir curtir o pastel na porta do estádio, mas como disse antes, as fotos eram prioridade.

No intervalo também conversei bastante com o pessoal do Atibaia e do Mauaense. Sempre muito simpáticos com o JP, agradeceram a minha presença por lá. E também fiquei curioso com o porquê dos frisos amarelos no uniforme do time da casa. Foi me informado então que esse time estava sendo formado para jogar como o Embu-Guaçu AC, time da Grande São Paulo que tem suas cores iguais ao do uniforme utilizado no sábado. Mas a equipe não conseguiu liberação do estádio em Embu-Guaçu e sem chance de jogar pelo time, que voltaria ao profissionalismo depois de muito tempo, acabou indo parar em Mauá, e compondo o elenco do Mauaense.


Escanteio para o Atibaia, com todo mundo subindo dentro da área. Foto: Fernando Martinez.


Mais uma foto do pessoal subindo na área, mas dessa vez é na área do Atibaia. Foto: Fernando Martinez.

Na volta do segundo tempo deu para ver logo que o ânimo seria bem maior das duas equipes. Aos 4 minutos o Mauaense ampliou o placar em gol chorado para a festa da boa torcida do time. Mas nem deu tempo de comemorar, já que aos 6 minutos, e com gol de cabeça, o Atibaia marcava o primeiro e deixava tudo em aberto de novo. A partir daí vi um jogo bem pegado, com muita emoção e chances para os dois lados.


Visão geral do Estádio Pedro Benedetti, que recebeu um pequeno mas ruidoso público. Foto: Fernando Martinez.

O Atibaia teve uma bola na trave e uma bola recuada que quase vai parar dentro das redes. O Mauaense levava perigo nos contra-ataques e em boas defesas do goleiro atibaiense. Mas a reação do time visitante parou quando dois de seus jogadores foram expulsos, em jogadas que foram muito contestadas por todos do time laranja. E nesse clima, vi que os dois times tem bons elencos, e em campo vi duas das melhores equipes que já vi pela Segundona. Não vi muitas, mas essas me chamaram bastante a atenção.


Tentativa de jogada pela direita do ataque do Atibaia. Foto: Fernando Martinez.


No final, o time laranja tentou o empate, mas não deu. Foto: Fernando Martinez.

Com emoção atrás de emoção, o jogo seguiu sem mais nenhuma alteração no placar. Final de jogo: Mauaense 2-1 Atibaia. O Mauaense continua como líder do seu grupo, enquanto o Atibaia agora cai para a quarta colocação, mas ainda dentro da zona de classificação para a Segunda Fase. E caso o campeonato terminasse agora, o Mauaense estaria no mesmo grupo do Ilha Solteira. Nem preciso dizer que seria um jogo que teria presença em massa do JP...

Bom, e como estava de condução e tinha ensaio da banda à noite, não tive a chance de acompanhar nenhum jogo na parte da tarde. Ir de táxi é algo fora de cogitação e gastar com ônibus roubada não dá. Vi então o jogo do Corinthians pela Série B e fui fazer minhas obrigações de músico à noite... mas com a partida do domingo já na agenda...

Até

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário