Procure no JP

quinta-feira, 24 de abril de 2008

São Paulo ganha suado na Libertadores

Opa,

Quarta-feira à noite e mais uma rodada aqui no JP. E como de praxe nas últimas semanas, a vez foi para ver um tornio nada perdido em busca de mais um time na Lista. É, me aventurei sozinho pelas avenidas de São Paulo com alguns ônibus destruídos para chegar no longínquo Estádio do Morumbi para acompanhar o jogo entre São Paulo e o Atletico Nacional, da Colômbia. O jogo valeu pela última rodada da primeira fase da Taça Libertadores da América 2008 e com ele incluí meu quarto time novo na competição esse ano.

Como sempre, sofri um pouco para chegar por lá. Na porta do estádios os sempre presentes cambistas "trabalhando" à vontade e muita muvuca. Mas no lugar que fico nunca tem problema, e até serve como sugestão para quem quiser ver apenas o jogo por lá: a cadeira amarela é o melhor lugar do estádio. Nele não temos que ficar pulando em ataques do São Paulo nem gritando o nome do time... para um torcedor completamente isento não há nada melhor.


Torcida do time de Medellín presente no Morumbi. Foto: Fernando Martinez.

Tanto que nesse local ficam os repórteres de quase todas as rádios de São Paulo que transmitem a partida ao vivo. Como fiquei do lado deles, acompanhei in loco os comentários de cada um, com várias opiniões para que eu pudesse escolher a qual melhor se adaptava à minha realidade. O mais legal é ver o pessoal curtindo uma tubaína e salgadinhos meio punks no intervalo. Uma cena impagável que também deixo aqui como sugestão para todos.


Times perfilados antes do início do jogo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, falar do jogo é fácil, já que ele passou ao vivo, saiu em todos os jornais e os melhores momentos foram exaustivamente veiculados pelas TVs. O São Paulo precisava ganhar o jogo para não depender de ninguém e garantir vaga na Segunda Fase. O Atlético Nacional tinha que não perder, caso perdesse e o Audax não ganhasse do Sportivo Luqueño, o time colombiano também iria se classificar.

E o jogo foi bom, com chances para as duas equipes desde o começo. O time verde de Medellín, mesmo tendo se classificado com uma pontuação baixa, é um bom time e fez uma partida bastante equilibrada com o tricolor. O jogo foi seguindo e o gol são-paulino foi marcado aos 38 minutos do primeiro tempo. O intervalo chegou com a vantagem mínima para os donos da casa.


Pessoal dentro da área em cobrança de escanteio para o Atletico Nacional. Foto: Fernando Martinez.

Nesse intervalo fui passear pelo setor amarelo e constatei que lá não há nenhuma lanchonete por ali. Bem no esquema dos vários camarotes do lugar e com aromas comestíveis incríveis não sobra nenhuma fração para nós, pobres mortais? Algo que o pessoal do Morumbi deveria corrigir, já que o povo lá ficou tudo com fome...


Ataque perigoso do time colombiano no primeiro tempo. Foto: Fernando Martinez.

Bom, e com fome o segundo tempo começou e o Atletico Nacional chegou com boas chances para empatar o jogo, com o São Paulo sentindo essa pressão. Mas os donos da casa também tiveram suas chances e as desperdiçaram. Caso os atacantes estivessem com o pé na forma, o placar poderia ter sido muito maior.


Ataque são-paulino no final do jogo. Foto: Fernando Martinez.

No final as notícias que vinham do Paraguai contavam que o Audax estava tomando uma lambada e isso classificava os dois times no Morumbi. Classificados e tranqüilos, as equipes fizeram sua parte e jogaram de forma despreocupada. Final de jogo: São Paulo 1-0 Atletico Nacional. O São Paulo agora joga contra o Nacional do Uruguai enquanto o Atlético Nacional disputa uma vaga nas quartas contra o Fluminense.

Provavelmente foi o útlimo jogo da Libertadores aqui no JP no ano de 2008. Quase sem times novos para se ver a partir de agora (somente o Atlas não está na minha Lista, mas acredito que dificilmente o time vira para São Paulo ou Santos), não há mais cabimento de eu passar fome, gastar uma grana e ver um jogo beeeem tarde à toa. Somente a nossa querida Lista faz a gente cometer algumas loucuras.

Ainda por cima voltei de táxi para meu dar loce lar, gastando por conta algo que nem tinha no bolso... mas valeu!

Abraços

Fernando

Nenhum comentário:

Postar um comentário